recuperar password
bool(true)

Os 10 hábitos que te fazem sofrer das costas e as 10 soluções para acabar com o sofrimento

Os holísticos dizem que são as nossas emoções que causam as dores do nosso corpo e até existem dicionários (muito uteis) com as explicações emocionais e espirituais para cada uma das doenças ou sintomas que se possam sentir. Mente sã em corpo são já diziam os antigos. Mas fica difícil ter a mente sã, quem tem dores regulares ou anda sempre com uma maleita qualquer aqui e ali.

 

Explicações e causas à parte, reuni neste textos alguns hábitos que os meus pacientes foram demonstrando ao longo tempo e que contribuem direta ou indiretamente para  virem tratar a sua dor. Mais do que tratar, acredito devemos educar para a saúde e que cada pessoa deve fazer da sua saúde uma prioridade e sua responsabilidade.

 

  1. ESTAR SENTADO DURANTE MUITO TEMPO

 

Estar sentado aumenta em 40% a pressão sobre a coluna vertebral. A curto ou a longo prazo as tuas costas vão sofrer com este aumento de pressão.  Estar 8 a 10 horas por dia sentado numa posição que não respeita a tua ergonomia em mais de 90% dos casos é sofrimento garantido.

 

SOLUÇÃO: Alongar a cada 30 minutos. Alongar o corpo permite que os músculos que suportam a coluna libertem a tensão acumulada pela pressão que se criam nas várias partes do corpo, permitindo recuperar um estado de relaxamento que facilita o raciocínio, aumenta o desempenho e a criatividade.

 

  1. TER UMA MÁ POSIÇÃO DE CONDUÇÃO NO AUTOMÓVEL

 

No ato de condução devemos ter o banco do nosso automóvel numa posição de sensivelmente 90°. A maioria dos assentos automóveis são desenhados para compensar as curvas anatómicas da coluna vertebral. E os 90° vão-te garantir esse conforto e alinhamento.

 

SOLUÇÃO: Aproximar/afastar o banco do automóvel de maneira a que chegar ao volante e/ou aos pedais não seja em encurtamento ou alongamento excessivos dos braços e pernas.

 

  1. FALTAR AO TREINO

 

Sabias que 40% das pessoas quando têm dores nas costas faltam ao treino? Pois é nesta altura que quando mais precisas de treinar, não aquilo que queres mas sim aquilo que precisas. Fala com o teu professor e ajusta o teu plano de treino. Se não treinas é bom que comeces.

 

SOLUÇÃO: Caminhar, alongamentos, pilates, yoga, exercício personalizado aceleram a recuperação do processo de dor.

 

  1. CARTEIRA O PASTA DE TRABALHO DEMASIADO CHEIA

 

Ter uma carteira com demasiados objetos ou uma pasta de trabalho muito carregada vai provocar um desalinhamento dos ombros e consequentemente alterar toda a cadeia postural e muscular.

 

SOLUÇÃO: Nunca ultrapassar os 10% de peso corporal nos sacos, malas ou carteiras que carregamos diariamente. Deves usar uma mochila preferencialmente, para que o peso se distribua de forma equilibrada.

 

  1. TER UMA DIETA POUCO SAUDÁVEL

 

A dieta que não respeita as necessidades calóricas por excesso, vai provocar aumento de peso e aumentar a pressão sobre a zona lombar. O entupimento das artérias em consequência do hábitos alimentares, para além de problemas muito sérios, também pode provocar dores nas costas em resultado de uma circulação sanguínea insuficiente.

 

SOLUÇÃO: Comer com respeito pelo teu corpo e reais necessidades calóricas.

 

  1. DORMIR NUM COLCHÃO VELHO

 

Passamos em média 8 horas a dormir e raramente nos interrogamos sobre a qualidade do nosso colchão e almofada. Dormir mal, acordar com dores, coluna desalinhada, cervical descompensada é a fatura por não cuidar deste pormenor.

 

Solução: Trocar de colchão a cada 5 a 7 anos.

 

  1. USAR SALTOS ALTOS

 

Eu sei que vocês ficam espetaculares de salto alto. Mas tudo tem um preço e para além da pressão no terço anterior do pé, calcanhar, tornozelo e joelhos, os músculos da zona lombar têm de trabalhar mais para compensar a hiperlordose maravilhosa que o salto provoca.

 

SOLUÇÃO: Usar uma palmilha de amortecimento no sapato e não andar distâncias tão longas com saltos altos.

 

  1. DEIXAR O STRESS AUMENTAR

 

O stress e a raiva provocam tensão muscular nas costas. E o mais interessante é que uma larga maioria das pessoas não consegue relacionar estes dois factos. Como se aquilo que sentem e pensam não tem impacto no corpo.

 

SOLUÇÃO: Procura um profissional que te possa recomendar técnicas de gestão de stress e pratica. Yoga, pilates, tai-chi, meditação, corrida, etc. Existe tanta coisa que podes experimentar que alguma coisa vai funcionar.

 

  1. VER DEMASIADA TELEVISÃO

 

15h por semana a ver televisão aumentam em 3 vezes mais as dores na zona lombar.

 

SOLUÇÃO: A solução é simples. Reduzir o tempo de horas em frente à TV e aproveitar os anúncios para alongar e estirar o corpo. E com intervalos de anúncios de cerca de 10 a 15 minutos, a ser posta em prática, esta solução seria uma grande sessão de treino.

 

10.IGNORAR A DOR

 

Uma das piores coisas que podemos fazer é ignorar uma dor persistente na esperança de que passe. A tendência para as dores nas costas é ficarem gradualmente piores até provocarem crises que levam à imobilização e uma redução significativa da qualidade de vida. Adiar uma visita ao médico pode sair muito caro.

 

SOLUÇÃO: Procura tratamento e age preventivamente para prevenir lesões futuras.

 

A grande maioria dos problemas de saúde e especificamente as dores de costas, resultam da ausência de movimento. O corpo foi feito para mexer e um musculo que não mexe atrofia e não adianta fazer birra e dizer que não gosto de mexer.

 

Use it or lose it

O blogger,
Rui Moura

Partilhe este artigo com os seus amigos!

Top Supa

As Mais Recentes

Para mais informações, parcerias, entrevistas, contacto com os bloggers ou colaborações, enviar email para info@supa-world.com
Supa 2014 | Copyright © . Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte de qualquer conteúdo deste site.